Sim, já fiz muita coisa…

Uma marcação no instagram que fez muito sentido. Ao procurar autoria, esbarrei com diversas versões e uma conclusão: autor desconhecido.
Desconhecido por desconhecido, fiz eu as adaptações ditadas pelo meu coração.

“Já perdoei erros quase imperdoáveis, tentei substituir pessoas insubstituíveis e esquecer pessoas inesquecíveis.
Já fiz coisas por impulso, já me decepcionei com pessoas que pensei nunca me decepcionariam, mas também já decepcionei alguém.
Já abracei para proteger, já dei risada quando não podia, já chorei de emoção e de desespero, fiz amigos eternos, amei e fui amado, mas também fui rejeitado, fui amado e não amei.
Já gritei e pulei de tanta felicidade, já vivi de amor e quebrei a cara muitas algumas vezes!
Já chorei ouvindo música e vendo fotos, já liguei só para ouvir a voz, me apaixonei por um sorriso, já pensei que fosse morrer de tanta saudade, tive medo de perder alguém especial (e perdi)!
Mas vivi! E continuo viva.
Aprendi que às vezes quem arrisca não perde nada e que, por vezes, perdendo também se ganha.
Bom mesmo é ir à luta com determinação, abraçar a vida e viver com paixão, perder com classe e vencer com ousadia, porque o mundo pertence a quem se atreve e a vida é muito para ser insignificante.”

Sim, já fiz muita coisa… e ainda há muito por fazer.

Anúncios
Esse post foi publicado em Citação, Reflexão. Bookmark o link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s